Além da Medicina Nº 1

A sua saúde em boas mãos, só nas suas!

Na hora da comunicação mundial instantânea, “INTERNET”, as pessoas nunca foram tão desinformadas em relação ao seu maior bem; a sua saúde!

Não nos surpreendemos mais com a fato de encontrar uma farmácia a cada esquina. Os hospitais estão cheios, e a população mundial engorda… (mais de 60 % da população brasileira está acima do peso).

Nos últimos vinte anos, a nossa alimentação perdeu a metade dos seus micronutrientes (vitaminas, minerais, oligo-elementos, fibras, etc.). A alimentação está sendo cada vez mais considerada como sendo um simples “combustível”, quando na verdade deveria estar ao centro da sua saúde!

Já passou a época, onde tivemos tempo de ficar indignados ou revoltados! Convido o leitor a tomar consciência da situação atual da saúde de maneira objetiva, observar a realidade onde estamos hoje e tentar entender, e assim escolher.

Não existe “sistema de saúde”! O que temos é um sistema medical. Ele é de primeira importância nas emergências, doenças degenerativas, em caso de acidentes, entre outros problemas e doenças, ⇒ fase lesional (irreversível). Qualquer pessoa pode precisar deste sistema, até vai precisar, principalmente quando não acertarmos ou negligenciarmos a manutenção da nossa saúde nos planos: FÍSICO, METABÓLICO e PSICOLÓGICO.

O conceito de prevenção é nada mais do que cuidar naturalmente e da melhor maneira possível da alimentação, do nosso estilo de vida e de nossos problemas de saúde quando ainda estão benignos, ⇒ fase funcional (reversível).

Já não fazemos isso com o nosso carro? Ou ligamos para a oficina mecânica quando fundimos o motor?

Mudar de hábitos não é fácil… somente mudamos quando os sofrimentos físicos e /ou psicológicos insuportáveis, se repetem, com intensidade, quando desesperadamente, mais uma vez, não encontramos solução imediata, radical. Mas pode ser diferente!

Quer colocar a sua saúde em boas mãos? Ela estará realmente em boas mãos somente quando enfim estiver nas suas, quando as principais ilusões (mantidas pelas mídias), forem desmascaradas, assim você descobrirá que a manutenção da saúde não é complicada, que ela traz equilíbrio, bem-estar físico, emocional e psicológico.

Qualquer que seja o nosso estilo de vida, ele representa um investimento. Em contrapartida esperamos um benefício!

Quando investimos (de maneira inconsciente) na doença e obesidade, o custo é alto, muito alto. Não estou me referindo somente ao aspecto financeiro (que, de qualquer forma é alto), mas considero também os outros “custos” tais como:

Pressão alta, doenças cardiovasculares, diabete, artrite, artrose, câncer, perda da autoestima, culpabilidade, depressão, exaustão, doenças psicológicas e comportamentais, compras compulsivas, MEDICAMENTOS , etc.

Caros pacientes e amigos, podemos, se quisermos, no livrar do consumismo cego e da desinformação. Este texto é um convite para ver melhor, reconsiderar, questionar.

Três passos os levarão rapidamente a repensar as “coisas”:

1. Com motivação e curiosidade, ir atrás de informações confiáveis em relação à alimentação e estilo de vida mais coerentes com a saúde.
2. Assim entrará na sua casa alimentos mais saudáveis, como também uma dinâmica de mudança em favor do equilíbrio sob todas as formas.
3. O primeiro passo é de cuidar especialmente da:
⇒ Digestão
⇒ Do estado do fígado
⇒ Das perturbações intestinais tais como: prisão de ventre, fermentações anormais, trânsito muito rápido, dores abdominais, entre outros.

O processo de colocar a sua saúde em suas mãos é progressivo, no entanto os benefícios se fazem sentir a curto prazo!
Continuaremos este assunto no próximo artigo!
Dr. Jean Marc – Jarinu SP